generalidades

Diálogos #35

Na sexta-feira, o Zúnio estava se arrumando para a colação de grau de seus alunos, eu estava no quarto fazendo um ajuste numa camisa dele, e os meninos estavam na sala brincando. Até que começaram a discutir. E quando eles discutem, quem eles chamam?

– Crazy, o Rafa isso!

– Zêzi, o Victor aquilo!

E eu pedindo que eles brincassem, se divertissem, que não discutissem e tal.

Até que, acompanhando de longe, percebi que o Rafofura é que estava provocando o Victor. O Vi pedia pro Rafa parar, mas ele continuava. Então eu disse:

– Rafa, vem cá.

Ele veio até o quarto, eu pedi que ele se sentasse na cama, ao meu lado, e ficasse um pouquinho ali comigo. Depois de um tempo, perguntei se ele estava com saudade de brincar com o irmão, ele disse que sim, e eu disse pra que ele fosse até a sala dar um beijo no Victor e chamá-lo pra brincar. Ele foi e eles continuaram se divertindo juntos, sem brigas.

Um bom tempo depois, eles já estavam prestes a começar uma briguinha outra vez, e eu chamei a atenção do Rafa (que, de novo, provocava o Victor).

– Rafa, meu amor, brinca com o teu irmão, fala direitinho com ele. Não vais querer ficar de castigo como antes, quando ficaste comigo lá no quarto, né?

O Rafa nem teve tempo de responder, pois o Victor soltou esta:

– Mas, Crazy, se ele estava contigo, não podia ser castigo.

[Pausa para o momento “oh, que fofura” do leitor]

♥ Não é a coisa mais fofa, linda e amada, esse meu enteado? É claro que é, os dois são. E isso só faz eu ficar mais derretida, mais boba e mais apaixonada por eles ainda, se é que tem como. ♥

♥ E este foi o presente que o Vi (o maior fã de Lego que eu conheço) fez pra mim de aniversário. ♥

Anúncios

3 comentários em “Diálogos #35

  1. own, eles são muito amados, Daise! que crianças mais queridas desse mundo! adoro vir aqui e ler todos esses diálogos, são ótimos!
    e eu também era viciada em Lego, passava tardes e tardes inteirinhas montando qualquer coisa que fosse. como eu gostava… gostava tanta que meus Legos estão todos guardadinhos na casa da minha mãe, acho que me apeguei demais! hehehehehe :)
    Beijão, saudades!

    Curtir

Deixa um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s