generalidades

dias de paz

Tenho me sentido bem tranquila nos últimos tempos (e olha que estou na TPM). É uma sensação boa de não se abalar por qualquer coisa, de não se chatear por nada, de, como li num blog uma vez, acho que da Thais, escolher quais brigas vale a pena enfrentar. É bem melhor assim. Eu andei numa fase de querer organizar a casa, de sair arrumando as coisas e querendo que tudo ficasse no lugar, mas não é assim fácil. Em primeiro lugar, porque não temos espaço o suficiente para nossas coisas em casa. É um fato com o qual eu tenho que lidar. “Organizar” as coisas não era organizar as coisas, era amontoá-las em alguma gaveta, até que precisássemos delas e a bagunça se instalasse novamente – porque para tirá-las do lugar era preciso mexer em muitas outras coisas que estavam ali amontoadas também. E outra, temos crianças, né? Meus enteados estão aqui o máximo que podem estar, e nós adoramos a presença deles. Os brinquedos, os livrinhos e outras coisas que eles usam estão sempre pela sala, que é o espaço comum que dividimos. Às vezes eu cobrava que eles levasse as coisas ao quarto quando deixassem de usá-las, mas eles são crianças e nem sempre se lembram disso. E, sinceramente, prefiro assim a eles estarem sempre isolados no quarto deles, sem tirar as coisas de lá e sem ficarem perto da gente. Que tragam as coisas pra sala, que as esqueçam aqui, tudo bem! É assim que a família fica reunida, e isso vale muito mais do que os 10 segundos que eu levo para devolver um carrinho ao quarto. E é preciso confessar: meu marido e eu não somos nenhum modelo de organização e de pessoas que sempre guardam as coisas depois de usá-las. Então, percebi que não vale a pena essa cobrança. Quando a bagunça está demais, até meu marido se dá conta e a gente organiza junto. Eu tenho ficado pouco em casa, estou indo à universidade todos os dias, então a gente tem cuidado de tudo mais em conjunto, mesmo.

E aí os meus dias têm ficado mais leves e mais doces. Uma fase ótima no casamento, cheia de paixão, carinho e vontade de ficar junto por mais tempo – e olha que a gente fica muito tempo junto. E acho que contribui muito pra isso eu evitar o contato com quem me faz mal ou não me quer bem. Porque isso é perda de tempo, né? E eu nem mereço ter gente incoveniente assim por perto. :p

Tenho evitado acompanhar tanta notícia, pois isso é uma coisa que me deixa mal. Sempre as mesmas notícias, a banalização da vida, muita morte, muita maldade, muita crueldade, e aquilo estava começando a me deixar muito assustada. Vi que não ganho nada acompanhando esse tipo de notícia (que se repete, só mudam os nomes e os lugares). Não é esse o tipo de conhecimento que quero acumular, então tenho evitado. Só não corto de vez porque meu marido gosta muito de ver tevê e acompanha todos os noticiários que pode, e quando estou com ele acabo acompanhando um pouco (não é porque eu tenho vontade de evitar essas notícias que vou querer que ele mude um hábito da vida inteira por causa de mim, certo?).

Entreguei o texto para a minha qualificação de mestrado, que será na semana que vem. Não estou ansiosa como imaginei que estaria – pelo menos não ainda. Mas ter entregado isso me deu uma falsa sensação de tranquilidade, e não posso me acomodar, pois tenho outras atividades pendentes.

A minha irmã está voltando ao Brasil depois de mais de cinco anos morando fora. :)

Anúncios

2 comentários em “dias de paz

  1. Acho sua decisão tão acertada, Daisitcha. A gente tem que filtrar o que deixa entrar no nosso mundo e, como a Thais disse, as brigas que resolve peitar. De vez em quando eu entro em brigas que não são minhas ou me estresso por coisas que não tenho poder algum de mudar. Mas estou aprendendo – aos poucos – a identificar esses momentos e bloqueá-los. É bom demais quando conseguimos. A vida fica mais leve mesmo.
    Beijos, querida!

    Curtir

Deixa um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s